Search
  • Juliana Bertoncel

Qual é o melhor para a vida a dois?

É claro que é bom, gostoso e fundamental que o parceiro seja carinhoso. Que ele lhe entregue o amor e também saiba receber. No entanto, quando a “entrega” é muito exagerada pode estar ocorrendo uma dinâmica oculta, que revela insegurança e co-dependência emocional.


ENTREGAR o AMOR é como enviar um presente SEM REMETENTE! É claro que numa relação saudável há uma troca em equilíbrio. Mas, se na “entrega” a motivação é condicionar o que irá receber de volta, não é realmente uma entrega e sim MANIPULAÇÃO.


Alguns homens no início de namoro falam tudo o que a mulher quer escutar, fazem massagem, compram presentes, deixam de trabalhar pra viajar com a mulher pra onde ela quer, abrem mão de hobbies e normalmente não tem amigos podendo “dedicar” todo o tempo à mulher, “exageram” na “entrega” para conseguir mascarar quem eles realmente são e colocar as mulheres num lugar onde elas se sintam DEVEDORAS e intimidadas a “falar não!”… e uma mulher imatura, carente e que goste muito de ser MIMADA vai cair fácil nessa armadilha...


Rainhas, esse é o famoso homem que parecia ser um príncipe e “do nada” vira um sapo! Não é do NADA!!!! Este post é para ensiná-las a reconhecer os sinais desde o início. Aprendam a valorizar o homem que cumpre os deveres diante da vida!


Rainhas, já passaram por algo similar na vida de vocês?


Beijos de luz,

Juliana Bertoncel













16 views0 comments

Recent Posts

See All
©© Copyright